serviços

Nossas Especialidades
Tendinite

O que é Tendinite?

  • Sinônimos: inflamação do tendão
  • A tendinite é a inflamação do tendão, uma estrutura fibrosa, como uma corda, que une o músculo ao osso. A inflamação se caracteriza pela presença de dor e inchaço do tendão e pode acontecer em qualquer parte do corpo, mas é mais comum no ombro, cotovelo, punho, joelho e tornozelo.
  • Síndrome do impacto

    O que é Síndrome do impacto?

  • Existe por cima das articulação um espaço, espaço subacromioclavicular, espécie de túnel onde encontraremos o tendão do músculo supraespinhoso, o tendão do músculo bíceps longo e a bolsa serosa subacromial.
    Este espaço deve ser normalmente entre 8 a 14 mm e a diminuição deste espaço caracteriza a Síndrome do Impacto. Esta diminuição pode ser indicadora de que as estruturas que estão passando por baixo da articulação acromioclavicular podem estar comprimidas e laceradas.
  • Cotovelo

    Tratamento do Cotovelo

  • O tratamento fisioterápico do cotovelo tem como principal objetivo a recuperação do movimento e a diminuição da dor utilizando terapias manuais, hidroterapia, eletroterapia e bandagens, evoluindo para exercícios proprioceptivos, fortalecimento muscular e retorno as atividades funcionais.
  • Manguito rotador

    O que é o Manguito rotador?

  • O manguito rotador é um conjunto de 4 tendões que se localizam no ombro e envolvem a cabeça do úmero. Esses tendões são essenciais para o bom funcionamento do ombro. São eles os principais responsáveis pela desaceleração do ombro, pelas rotações e por manter o ombro bem posicionado para que outros músculos maiores e mais potentes realizem sua função. A ruptura do manguito rotador costuma ocorrer em pessoas que realizam muitas vezes os mesmos movimentos do ombro.
    Os sintomas incluem dor no ombro e fraqueza.O tratamento inclui repouso, medicação, fisioterapia, injeções de corticosteroides e, possivelmente, cirurgia.
  • Epicondilite lateral

    Epicondilite lateral

  • Os sintomas surgem de forma gradual e, dentre os principais, podem ser destacados:
    – Dor intensa na face lateral do cotovelo que pode irradiar para o antebraço – é agravada com a realização de esforços;
    – Dificuldades para segurar objetos, como uma xícara de café cheia;
    – Queimação na lateral do cotovelo;
    – Redução de força para extensão do punho e dos dedos
  • Clavícula

    O que é a fratura da clavícula?

  • É a fratura do osso na região superior do peito que está entre o esterno (osso do centro do tórax) e a escápula (lâmina do ombro). Essa fratura é a mais comum das lesões ósseas. Os sintomas são de Dor e edema na região da fratura, impossibilidade de mover o braço e o ombro. Alguns pacientes relatam ter ouvido um estalo na hora da lesão.
  • Instabilidade

    O que é a Instabilidade?

  • Ela ocorre em ambos os sexos, geralmente na terceira ou quarta décadas e envolve o disco L4 ou menos comumente o disco L5. Este tipo de instabilidade geralmente acompanha alterações degenerativas no disco e nas articulações zigoapofisárias.
    A instabilidade também pode ocorrer em pacientes com espondilolistese após trauma ou pós-operatoriamente após uma descompensação de uma estenose da coluna lombar, todas estas causas sendo evidentes nas radiografias. Uma perda da função muscular é um achado concomitante comum.
  • Slap

    O que é a Slap?

  • A lesão tipo SLAP é mais comum em atletas, principalmente arremessadores. Trata-se de um destacamento da porção superior do lábrum, onde se insere o tendão da cabeça longa do bíceps braquial. O lábrum é um tecido que recobre a cavidade da glenóide com a função de aumentar a estabilidade da articulação do ombro. Algumas atividades esportivas ou traumas podem causar rupturas nesse lábrum, gerando dores e limitações.
  • Articulares

    Articulares

  • A dor nas articulações pode ser causada por uma lesão da cartilagem, ligamentos, ossos e tendões em torno da articulação. A artrite reumatóide (ar) é uma doença inflamatória dolorosa que causa inchaço, rigidez e deformidades na articulação.Esta doença auto-imune afeta as células que cobrem e lubrificam as articulações (tecido sinovial).
  • Reumáticas

    Reumáticas

  • A fisioterapia é uma das formas de tratamento para o reumatismo que consiste no uso de aparelhos de fisioterapia, bolsas de água morna ou fria e exercícios que visam manter ou recuperar a mobilidade das juntas e articulações, sendo seu principal foco combater a dor.
  • Artroses

    Artroses

  • O tratamento fisioterapêutico deve ser realizado durante 3 a 6 meses mas caso o tratamento não traga os benefícios esperados, recomenda-se a cirurgia para colocação de uma prótese na articulação afetada, sendo necessário realizar ainda mais sessões de fisioterapia durante algumas semanas a seguir a cirurgia.
  • Artrite

    Artrite

  • A fisioterapia é uma importante forma de tratamento para combater a dor e o desconforto causado pela artrite. Ela deve ser realizada preferencialmente 5 vezes por semana, com duração mínima de 45 minutos por sessão.

    Os objetivos da fisioterapia para artrite são: diminuir a dor e o desconforto;
    melhorar a amplitude de movimentos;
    prevenir e travar as deformidades articulares;
    manter ou aumentar a força muscular e garantir a realização das atividades diárias de forma independente.
  • Coluna

    Coluna

  • Não poderíamos de falar sobre este tema, já que tiram milhares de pessoas no mundo todos de suas atividades diárias, trabalho e esportes. Vamos mostrar um treino simples de ser executado e de grande importância para a saúde da nossa coluna. A musculatura abdominal e paravertebral são responsáveis pela manutenção de uma postura correta, que por sua vez assegura a integridade dos discos vertebrais e raízes nervosas periféricas. Qualquer desequilíbrio nestas estruturas pode causar incômodos, dores e até mesmo a inatividade.
  • Joelho

    Joelho

  • A fisioterapia para o joelho submetido a uma reconstrução de seus ligamentos deve conter o uso de aparelhos, exercícios de alongamento, mobilização articular e de fortalecimento dos músculos da coxa anterior e posterior, principalmente, para garantir a estabilidade desta articulação e o retorno das atividades diárias o mais rápido possível.
  • Ombro

    Ombro

  • Os exercícios para ombro são úteis no tratamento de muitas doenças que causam dor no ombro. Os exercícios do ombro também são utilizados para reabilitação após a cirurgia, por exemplo, após uma luxação ou após a cirurgia para reparar a lesão de um tendão do manguito rotador.
  • Bursite

    Bursite

  • O tratamento fisioterapêutico para bursite, incluindo para a bursite do tendão de Aquiles, deve ser diário e consiste no uso de aparelhos analgésicos e anti-inflamatórios, como o Tens, ultrassom, corrente galvânica ou microcorrentes, por exemplo, para diminuir a inflamação e a dor da região afetada. Além disso, a fisioterapia também utiliza técnicas e exercícios para aumentar a mobilidade da articulação afetada e alongamentos musculares para melhorar a sua função.
  • Funcional

    Funcional

  • Toda vez que movimentamos nosso corpo precisamos de uma ação integrada envolvendo pele, articulações, músculos, etc. A partir dessa lógica foi criado o treinamento funcional, que tem como princípio preparar o organismo de maneira global, usando os padrões fundamentais do movimento humano – como empurrar, puxar, agachar, girar, lançar, dentre outros – envolvendo a integração do corpo todo
    Principais benefícios dos exercícios funcionais
    Os exercícios funcionais ajudam nos seguintes aspectos:
    Desenvolvimento da consciência e controle corporal
    Melhoria da postura
    Melhoria do equilíbrio muscular
    Diminuição da incidência de lesões
    Melhora do desempenho atlético
    Estabilidade articular (principalmente da coluna vertebral)
    Aumento da eficiência dos movimentos
    Melhora da força e coordenação motora
    Melhora da resistência central (cardiovascular) e periférica (muscular)
    Melhora da lateralidade corporal
    Melhora da flexibilidade
  • Pilates

    Pilates

  • O pilates é um método que estimula o corpo de forma global durante cada exercício, visando aumentando de mobilidade, flexibilidade força e tônus muscular.
    Para tanto, ele faz uso principalmente da respiração e de movimentos que usam o peso do corpo ou o auxílio/resistência das molas em seus aparelhos.
    Com isso, ele traz alguns benefícios como:
    Melhora da postura
    Aumento do tônus muscular
    Maior mobilidade articular
    Alívio de tensões
    Evolução da marcha e corrida
    Incremento da flexibilidade
  • Copyrights © 2021 - Todos os direitos reservados